Estante do Refúgio: Abril 2015

28/04/2015

“Deixemos a rotina nos lecionar, amém!” - Crônica


Certo dia estava na missa, naquele ritual de “sentar e levantar” o tempo todo, distraída, pensando em nada e tudo ao mesmo tempo, quando vi um senhor, ele devia ter uns 60 anos, bem moreno, dos cabelos grisalhos, olhos tristes, ossos muito aparentes, roupa larga demais. Ele parecia abatido, cansado e triste. Com as mãos juntas e joelhos no chão, pedia e adorava a Deus com todas as forças que possuía.

Comecei a pensar em qual seria a última vez que teria se alimentado, se possuía uma família, por quais “perrengues” já havia passado e no meio de tudo isso, ele foi comungar. Ao segurar a hóstia em suas mãos, ajoelhou-se a beira do altar, com expressão de suplica, e uma lágrima rolou. Era uma lágrima pesada, doída, pensada e arrependida.

Quantas pessoas ali deixaram essa imagem e lição passar despercebida? Quantas teriam notado aquele homem carregado de experiência? Quem teria aprendido algo com aquilo? Bem, para essas perguntas eu não tenho a resposta, só sei que Deus tinha me levado ali, não para escutar o sermão do padre, e sim, para observar a figura de um exemplo, por não ter nenhuma vergonha de se arrepender... 


27/04/2015

Simplesmente Acontece - Resenha


Nome: Simplesmente Acontece
Autora: Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito
Romance

Sinopse:

"Todo mundo acha que Rosie e Alex nasceram para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família para os Estados Unidos. 

Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de emails, mensagens de texto, cartas, cartões-postais... Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples."





Melhores amigos se apaixonam e se casam... Existe alguma história mais clichê que essa? Pelo menos eu nunca ouvi!
Assim que fiquei sabendo da existência dessa belezura de livro, achei que seria só mais um no meio de tantos outros que já li que são parecidos. Mas eu me enganei.



O livro é ótimo, flui muito bem e nos atrai muito. É montado todinho através de cartas, mensagens, e-mails, cartões... e todas essas coisas. O fato dele ser contado assim fez com que a história ficasse muito diferente, de vez em quando eu senti saudade de uma narração em primeira pessoa, mas não é nada que te estimule a parar de lê-lo ou algo do tipo. 


É um livro extenso e que eu demorei mais de mês para ler, mas temos que levar em consideração que o meu tempo de leitura está muito curto e eu tive que ler "Amor de perdição" para uma prova antes de acabar o "Simplesmente Acontece".
Gostei muito da história, me apaixonei por Alex, amei a Rosie e ainda mais a Katie e o Toby. Todos os personagens são divertidíssimos! Dei boas risadas com todas as situações mais inesperadas e inusitadas que eu jamais pensei que iria acontecer em uma história "clichê".
É um livro de escrita fácil e leve. Vai levar 5 estrelinhas e eu recomendo muuuuuito!!!
Estou louca para assistir o filme, mesmo sabendo que a história é totalmente alterada. Deixem nos comentários o que acharam do livro em relação ao filme, por favor.
Espero que tenham gostado e até a próxima.
Beijos da Mands!

20/04/2015

Presentinhos


Oi gente, tudo bem?
Então, esse final de semana meus pais chegaram de viagem e me trouxeram mil presentinhos maras! Vamos conferir?

1. Rímel Maybeline


Gente, os rímeis da Maybeline são melhores que qualquer um que já experimentei, só que infelizmente não possuem todos no Brasil (snif). Então, sempre que alguém vai pra fora eu peço alguns. Preciso confessar que sou viciada em rimel, então não vou abrir esses ainda pois já tenho uns 6 abertos hahahahaha, mas caso vocês queiram saber o resultado eu posso postar resenha pra vocês aqui sobre isso, viu? É só pedirem nos comentários.

2. Batom Flat Out Fabulous e Rebel


Para vocês que já viram minhas fotos do meu aniversário, o batom que usei naquele dia foi exatamente este, o Flat Out Fabulous (mais claro). No Brasil eu não consegui encontrar em lugar algum, parece que está com um problema na fábrica, mas minha (abençoada) mãe achou ele em uma Macy's ❤️
Já o Rebel eu vi em uma menina no snapchat e apaixonei! Nunca usei, mas parece ser fantástico, estou ansiosa para usá-lo hahahaha

3. Lápis de Boca Fashion Boost


Já esse lápis, minha mãe comprou por ser um tom muito parecido com o Flat Out Fabulous, fiquei apaixonada e já quero usar!

4. Pincel Duplo


Eu estava precisando de um pincel pequeno para pó e a minha mãe achou esse duplo, super útil, mas infelizmente ele veio com defeito e eu não vou poder usar a parte que queria, porém o outro lado dele é maravilhoso, muito bom para corretivo!

5. Balinha


Esse dadinho é super fofo e vem com balinhas de menta nele #apaixonada!

6. Post-it + Caneta


Sou louca por post-it's mas aqui no Brasil são muito caros, ainda bem que lá fora não é tão abusivo o preço.

7. Lip Balms



8. Sapatos



9. Perfume Chance


10. Também ganhei umas roupas que se vocês quiserem eu faço um post separado para mostrar.

Espero que tenham gostado, deixem nos comentários suas dúvidas e opiniões e até a próxima!
Beijos da Mands.

08/04/2015

Aplicativos para edição de fotos


Oi gente, tudo bem?
Enfim, hoje resolvi trazer para vocês quais aplicativos os uso para editar minhas fotos (quanto de paisagem, quanto pessoais). Vamos lá?

1. Instagram


Gente, vocês podem não acreditar, mas 100% das minhas fotos são editadas no próprio instagram. Não curto muito efeitos, por isso edito lá mesmo. Gosto de mudar apenas o brilho, contraste, saturação... Ah, e uma diquinha muito legal: não gosto muito de fotos quadradas, por isso eu utilizo o "Insta Size" para colocar as bordas brancas nas fotos.


Exemplo:


2. InstaCollage



Para a montagem de fotos eu utilizo este app pois é mais fácil e prático do que qualquer um que já usei.


Enfim, como vocês podem ver, não uso muitos app por um simples motivo: quanto mais natural, mais bonito é.
Espero que tenham gostado, deixem nos comentários o que acharam.
Beijos da Mands!



06/04/2015

Maioridade Penal: Abaixa ou não?


Oi gente, tudo bem?
Na semana passada, nas aulas de português, debatemos muitos assuntos polêmicos e um deles foi a "Maioridade Penal". Antes de começar a falar, quero lembrar que vou expor a minha opinião, mas respeito teses contrárias também. Vamos lá?
Um dos fatores contra a redução é que na constituição de 1988 diz que a maioridade penal é 18 anos. Ok. Agora vamos parar e pensar, como era nosso país à 27 anos atrás? Será mesmo que a taxa de jovens que matavam, estupravam, roubavam... era a mesma que hoje em dia? Para quem assiste jornal sabe muito bem que a taxa de violência no país está cada vez maior, as vezes me assusto com tanta criminalização presente por aqui.
Outra coisa: entendo que se uma criança de 12 anos for influenciada por um adulto, ela vai roubar/matar sem consciência do que está fazendo. Mas eu, que tenho 15 anos, sei muito bem o que é certo ou errado, então imagine uma pessoa de 16 anos? Se ela matou, se ela estuprou, se ela roubou... por que não pode ser presa?
Outro ponto que dizem é de que não possuímos presídios suficientes. Quer dizer que pagamos um ABSURDO de impostos e vocês do governo não vão garantir a segurança de pessoas honestas, que trabalham para sustentar suas famílias pois não possui presídios? Mas para onde está indo todo imposto que pagamos?
Também quero criticar nossas cadeias por aqui. Do que adianta pegar um bandido de mal caráter e colocar num lugar escuro e inabitável como aquele? Sinceramente, até uma pessoa inocente sairia de lá com planos de matar qualquer um.
E tem mais, quantas pessoas cometem crimes apenas para serem presos pois o dinheiro que eles ganham lá é maior que o SALÁRIO MÍNIMO! Tem famílias que sobrevivem com 800 reais (ou menos) por mês e tem que sustentar 5 pessoas, ou talvez mais. Por que um criminoso teria que receber mais do que isso?
Acredito que nosso sistema de segurança no país está todo errado. Apoio a abaixar a maioridade penal sim, mas antes de tudo isso, precisamos de uma reforma geral em todas leis que se tratam sobre isso.
E mais uma vez pergunto: "Para onde está indo todo os imposto que pagamos, se não para nossa saúde, educação e segurança? Pagamos isso atoa?"

Desenvolvido por Ilaloá Design (2015)