Estante do Refúgio: Maio 2015

29/05/2015

Promoção 4 anos de Gaveta Abandonada


Oi pessoal, tudo bem? Em comemoração ao aniversário de 4 anos do blog Gaveta Abandonada, me juntei com mais 13 blogs e editoras para fazer uma série de sorteios com muitos livros legais e um super kit de 100 marcadores! Ta esperando o que para participar? Corre e preenche os formulários abaixo!

Regras:

- Cada kit terá apenas um vencedor.
- A promoção inicia hoje (20/05) e os sorteios ocorrerão no dia 20/06, aniversário do blog.
- Abaixo da imagem de cada kit vocês podem conferir os itens que serão sorteados e, entre parênteses, quem será responsável pelo envio.
- Os vencedores serão contatados por e-mail. Após o aviso do resultado os vencedores terão 72 horas para retornar com o endereço para envio. Caso não haja resposta dentro do período, será feito um novo sorteio.
- Os blogs e editoras tem 45 dias para o envio dos livros, após a confirmação do e-mail pelo vencedor.
- Nenhum blog ou editora é responsável em caso de extravio por parte dos Correios.
- A primeira entrada de todos os formulários é livre (basta informar seu nome) e as outras são opcionais, que darão mais chances nos sorteios.
- Nas opções onde diz "Visit .... on Facebook", é obrigatório curtir a página correspondente.

Boa sorte a todos!


20/05/2015

A Máquina de Contar Histórias - Resenha


Nome: A máquina de contar histórias
Autor: Maurício Gomyde
Editora: Nova Páginas
Páginas: 191

Sinopse:

"Na noite em que o escritor best-seller Vinícius Becker lançou A Máquina de Contar Histórias , o novo romance e livro mais aguardado do ano, sua esposa Viviana faleceu sozinha num quarto de hospital. Odiado em casa por tantas ausências para cuidar da carreira literária, ele vê o chão se abrir sob seus pés. Sem o grande amor da sua vida, sem o carinho das filhas, sem amigos... O lugar pelo qual ele tanto lutou revela-se aquele em que nunca desejou estar.
Vinícius teve o mundo nas mãos, e agora, sozinho, precisa se reinventar para reconquistar o amor das filhas e seu espaço no coração da família V.
Uma história emocionante, cheia de significados entrelaçados pela literatura, mostrando que o amor de um pai, por mais dura que seja a situação, nunca morre nem se perde."


Oi gente, tudo bem? Hoje eu estou trazendo uma resenha de um livro mais que incrível e que com certeza marcou minha vida! Devorei ele em poucas horas (digamos que foi um recorde) e estou extremamente contente com ele.
Vou ser franca, comecei a lê-lo a alguns meses atrás, mas não gostei nenhum pouco e hoje, quando eu peguei ele, tomou conta de mim em um piscar de olhos e não consegui parar de ler até o último ponto final.


Esse livro foi um dos poucos que consegui enxergar as entrelinhas. Pude perceber que a "Vida", filha mais nova de Vinícius, teve esse nome justamente para trazer vida a família, coisa que estava faltando. Outro fator muito legal que pude perceber foi o fato de que Valentina estava sofrendo muito, se tornando uma pessoa "morta" em muitos casos e nesses momentos a Vida fazia algumas perguntas como se fosse o que Valentina queria saber, como se fosse a parte viva dela falando por meio da irmã. Conseguem entender?
E não devemos deixar de notar que a história gira em torno de escritores, logo, há diversas citações extremamente boas de grandes artistas no meio de toda trama.
A narrativa, apesar de ser em 3ª pessoa, é muito boa, muito intensa e reflexiva. É tanta frase boa no livro que eu acabei grifando grande parte dele, acho que é um dos livros mais grifados que tenho (sim, eu grifo meus livros, me julguem hahaha).
Eu adorei tudo, desde o início até o ponto final, desde cada letra até cada capítulo, desde cada sentimento até cada frieza, desde a capa (que eu me apaixonei) até as páginas (que são lindamente desenhadas).
Minha nota, sem dúvidas, são 5 estrelinhas e recomendo a todos, principalmente aos amantes de leitura! Não posso deixa de ressaltar que a história se passa em várias cidades pois eles estão em viagem, logo, eu viajei para vários lugares em poucas horas. Existe coisa melhor? <3
Espero que tenham gostado!
Beijos da Mands.

17/05/2015

Para onde ela foi - Resenha


Nome: Para onde ela foi
Autora: Gayle Forman
Páginas: 240
Editora: Novo Conceito

Sinopse:

"Meu primeiro impulso não é agarrá-la nem beijá-la. Eu só quero tocar sua bochecha, ainda corada pela apresentação desta noite. Eu quero atravessar o espaço que nos separa, medido em passos – não em milhas, não em continentes, não em anos –, e acariciar seu rosto com um dedo calejado. Mas eu não posso tocá-la. Esse é um privilégio que me foi tirado. Com a mesma força dramática de Se Eu Ficar, agora pela voz de Adam, Para Onde Ela Foi expõe o desalento da perda, a promessa da esperança e a chama do amor que renasce."

Bem, esse livro não é narrado por Mia, a personagem principal de "Se eu ficar", e sim pelo Adam, seu namorado.
O livro começa carregado de depressão e sentimentos não explicados, mas os capítulos vão se alternando, ora presente, ora passado, e com o tempo vamos conseguindo juntar cada pecinha do quebra-cabeça e compreender cada sentimento de frustração de Adam.
A história toda se passa em um dia e é muita emoção para pouco tempo, depois que cheguei na página 120 eu devorei o livro com toda rapidez que poderia e ele me deixou animada, novamente, para ler, pois eu estava um tanto distante dos meus, queridos e amados, livros.
A maneira de narrar da Gayle é simplesmente fantástica, ela consegue descrever cada sentimento com tanta intensidade e tanto realismo que acabamos nos sentindo dessa maneira também. 
As páginas são todas desenhadas, assim como "Se eu ficar". Possuem letra em um tamanho bom e a espessura da folha também é muito convidativa. 
Amei, amei e amei o livro, achei bem melhor que "Se eu ficar", indico bastante e levará 4,5 estrelinhas, só porque não acho a capa tão legal assim, afinal, na capa de "Se eu ficar" a Mia é ruiva e a capa de "Para onde ela foi" ela está morena? Não entendo, sendo que o livro cita a cor de seus cabelos ruivos.
Espero que tenham gostado, deixem nos comentários o que acharam e até a próxima!
Beijos da Mands.

15/05/2015

Conhecimentos: bons até onde? - Crônica

Já parou para pensar em como a presença de gênios hoje em dia é mais baixa? Se você fosse se inspirar em alguém profissionalmente, sem ser teus pais ou algum familiar, quem seria? Percebe como há uma falta muito grande de inspirações por aqui? Bem, a minha teoria é que atualmente estamos cercados de milhares de informações, competições, desafios e isso acaba esgotando as pessoas.

O excesso de conhecimento está deixando a mente de cada um atrasada e ao mesmo tempo agitada, preocupada, com pressa... Qual foi a última vez que você teve um tempo para você e sua família? Qual foi a última vez que conseguiu conversar com os amigos, sair para celebrar momentos bons? Qual foi a última vez que chegamos em casa após o trabalho sem dor de cabeça ou tantas preocupações nos atordoando? Será que sempre foi assim?

Bem, eu só espero que toda essa pressa não acabe com nosso "gostinho" de viver, com o real sentido da vida, com as manias que temos quando estamos sozinhos (aquelas dancinhas engraçadas, ou aquelas caretas no espelho...), com a graça da celebração de momentos únicos, com a união de uma família, com nossas risadas ou com a nossa felicidade.

De qualquer maneira, acho melhor eu levantar pois um longo e apressado dia me aguarda, só espero que isso não atrapalhe uma coisinha chamada vida, que estou louca para viver! 


- Amanda Volpato


12/05/2015

Aula de Inglês - Resenha

Oi gente, tudo bem?
Eu sei que eu ando sumida daqui, me desculpem, é que as coisas não estão muito fáceis: coisas demais para fazer e o blog acaba ficando em segundo plano. Mas de qualquer maneira, hoje eu venho aqui com a resenha de um livro chamado "Aula de Inglês"


Nome: Aula de Inglês
Autora: Lygia Bojunga
Número de páginas: 214

Sinopse:

"História que lida com os permanentes conflitos sexuais, amorosos e familiares que dificultam e/ou iluminam a trajetória de adolescentes e adultos"

Bem gente, para começo de tudo, vocês devem estar se perguntando "Por que a Amanda leu esse livro com uma sinopse péssima e uma capa tão feia?". Esse livro é para escola, mas ele não é tão ruim como normalmente os livros que professores obrigam a gente ler são. Minha expectativa para o livro já era extremamente baixa, por isso não me decepcionei com ele.
A história que Lygia nos traz é de um professor que é apaixonado pela a tua aluna e essa aluna é apaixonada por um escritor que só quer usar ela para escrever outro livro.
Eu achei a história um pouco sem noção, mas acabei engolindo o livro em dois dias por ter uma narrativa muito gostosa de ler. Outra coisa muito boa nesse livro é o seu desing, a página é pequena porém grossa e margens ótimas, não é atoa que li tão rápido.
O final me fez ficar muito frustrada pois é meio sem sentido, não é o que costumamos ouvir por ai, não tem um "viveram felizes para sempre" e nem um "e ele sofreu eternamente pela a amada até a sua morte". O final é algo neutro e esse é o problema, qual a graça de ler livros com tramas boas e o final não ser nada demais? Nada que te faça fugir da realidade? Nada que te faça acreditar em algo ou se apaixonar por um personagem ou qualquer coisa do tipo?
Por isso, a nota para o livro são 3 estrelinhas, mas só porque minhas expectativas estavam muito baixas, se não seriam 2.
Sei que não é legal ler uma resenha negativa, mas pense pelo lado bom: você já sabe que esse livro não precisa comprar hahaha.
Até a próxima pessoal, beijos da Mands!

Desenvolvido por Ilaloá Design (2015)